Menu

Manifesto Dois Maridos – uma vida mais slow

Queremos propor a você uma vida mais slow. Conheça o nosso manifesto.

Vem descobrir o nosso manifesto:
Queremos propor para você uma vida mais slow. Aquela que consome mais da feira orgânica perto da sua casa.

Que tem sempre uma xícara à mão para evitar o plástico.

Aquela que aprecia o verde intenso e verdadeiro da natureza, nem que seja com uma plantinha na sacada.

Que antes de uma nova compra consegue distinguir uma real necessidade de um impulso.

Que tem a consciência de que cada compra feita é um reflexo positivo ou negativo para o mundo.

Aquela que passa a questionar mais a transparência das empresas.
Que pensa no coletivo, na comunidade.


Queremos propor para você uma vida mais amor.

Aquela que consegue ver amor em uma música que acalma a alma ou que acelera o sorriso.
Que vê o amor no agito das ondas do mar que move emoções.
Que vê o amor no sol que aquece o corpo ou na chuva que desafia.
Que vê o amor no uso de mais palavras como por favor, obrigado, perdão.
Que vê o amor na troca de mensagens que ultrapassa distâncias ou na conversa cara a cara que dispensa o celular.

Se você consegue ver beleza na chuva, se você se sensibiliza com palavras, gestos e tem empatia com os outros, você já tem uma vida mais amor.
Se você sente alegria diante da conquista de outras pessoas, se você ao menos tenta não reclamar tanto, você já tem uma vida mais amor.


Não deixe a vida mais amor se perder, não permita que ela se perca.

Pelo contrário, você já tem isso dentro de você, multiplique o tempo todo, sem parar, sem pensar, apenas mostrando o amor.

E o que te falta para ser mais slow?

Nossa proposta é tentar mudar um pouco mais o mundo. Queremos promover o diálogo e o movimento para potencializarmos impactos positivos.

Vida slow unida ao amor. É assim que caminhamos e nos manifestamos. Com doses constantes dessas duas verdades. Em cada ponto de linha, em cada caixa, em cada compra.

Provoque. Promova. Faça acontecer no seu ciclo, no seu grupo.
Faça diferente e seja um reflexo do amor e do consumo consciente junto com a gente.